Inspire-se

Casa funcional ou bonita? Entenda como combinar esses dois aspectos!

casa funcional

Nada como ter uma casa funcional e linda ao mesmo tempo, não é? Esse é o grande ideal de todos que estão adquirindo, construindo ou reformando o imóvel dos sonhos.

Em meio a tantas opções arquitetônicas, de decoração, de design e de acabamentos, é normal se sentir um pouco confuso sobre quais elementos priorizar na hora de montar a casa nova.

Pensando nesse dilema, trouxemos aqui alguns conceitos que vão te ajudar a refletir sobre as reais necessidades da sua casa, bem como as comodidades e sensações que você quer que ela te ofereça.

Quer eliminar objetos supérfluos e valorizar itens característicos, harmonizando funcionalidade e beleza sem deixar a sua personalidade de lado? Confira 3 dicas para solucionar o dilema da casa funcional ou bonita e veja como combinar esses dois aspectos na dose certa!

Arquitetura da casa funcional

“A casa não é apenas refúgio físico, mas também psicológico. É guardiã da identidade.”

Essa frase é do filósofo suíço Alain de Botton e representa, em poucas palavras, o que você deve pensar na hora de construir sua casa.

Parece óbvio que arquiteturas mais imponentes e majestosas atraiam mais olhares. No entanto, se você se sente mais acolhida em uma morada simples e bucólica, por que não optar por uma arquitetura singela e com ares mais rústicos para o seu novo lar?

Ambientes de arquitetura mais simples — além de cômodos conjugados ou espaços reaproveitados — também são mais funcionais por natureza. A natureza, inclusive, pode ser uma grande aliada para embelezar a nova morada.

Mesmo se você morar em áreas mais urbanizadas ou se preferir uma atmosfera mais clean, uma opção é apostar em plantas, flores e objetos artesanais para valorizar a beleza da sua casa sem pesar o ambiente.

casa funcional

Decoração e design

A regra diz que “menos é mais”. No entanto, nada te impede de manter dentro de casa aquele móvel que você não utiliza, mas que te remete a uma história marcante da sua infância, por exemplo — aí está o objeto de decoração perfeito!

Por outro lado, se você é do tipo acumulador — aquele que faz de sua própria casa um verdadeiro depósito de objetos sem qualquer utilidade, mas que jura que poderão lhe ser úteis um dia —, está na hora de repensar sobre esse velho hábito.

Funcionalidade significa ter em casa apenas aquilo que você usa com frequência, unindo a praticidade com a harmonia estética. Afinal, duvido que você enxergue beleza naquela pilha de livros velhos que você nunca leu ou naquele monte de eletroeletrônicos que não funcionam mais, certo?

Você pode, sim, reaproveitar aquele espaço embaixo da escada para montar um mini escritório, uma estante de relíquias ou mesmo uma charmosa adega, desde que o design de sua casa favoreça essa conjugação de ambientes e, ao mesmo tempo, sua mobilidade e conforto.

casa funcional

Acabamentos

Ambientes conjugados, linhas retas, cores neutras, móveis planejados e minimalismo. Tudo isso é pura funcionalidade. Mas, pense bem. Não é porque o minimalismo é uma tendência que você precisa abrir mão de acabamentos mais chamativos e diferenciados, certo?

Opte por tudo aquilo que te enche os olhos e combina com você: seja uma parede vermelha na sala, uma cozinha toda branca, um lavabo cheio de flores, um quarto clean ou um teto preto no home-cinema. Minimalista ou cheio de energia, o importante é que o ambiente tenha a sua cara.

Faça o teste: se a sua casa é o lugar onde você mais gosta de estar, curtindo as horas de lazer com a família ou recebendo os melhores amigos, quer dizer que você combinou beleza e funcionalidade em doses exatas, pois o belo é extremamente subjetivo. E o funcional, perfeitamente ajustável!

Gostou das nossas dicas para deixar sua casa funcional e bonita? Quer ficar por dentro de outras tendências de decoração, construção e acabamentos? Assine a nossa newsletter e não perca nenhuma novidade! 

Deixar comentário.

Share This
/* ]]> */