Acabamento

Piso de cozinha: qual o melhor material para usar?

piso de cozinha

Seja na hora de construir ou reformar, uma dúvida que sempre surge é em relação ao melhor tipo de piso para cada ambiente. Considerando que a cozinha é um espaço de grande movimentação, onde fazemos preparos, a preferência deve ser por materiais fáceis de limpar e que não escorreguem.

Mas nem por isso é preciso deixar o bom gosto de lado! Com uma boa escolha de piso é possível compor um ambiente bonito e funcional, além de integrar o espaço da cozinha a os outros ambientes da casa. Veja, a seguir, quais as opções mais adequadas paro o piso de cozinha.

1. Porcelanato

Esse é um dos mais usados atualmente. Além de ser muito bonito, é fácil de limpar, podendo ser aplicado qualquer tipo de produto de limpeza. Ele pode ser encontrado em uma enorme gama de cores e não tem problemas com umidade, já que é de baixa absorção.

Se for porcelanato polido, um porém é que ele pode se tornar escorregadio caso seja molhado – situação bastante usual em cozinhas. Uma solução é colocar tapetes finos antiaderentes na região da pia, onde respingos são mais frequentes.

A versão acetinada tende a ser menos escorregadia e, por ser fosca, não reflete as luzes, o que pode ser menos cansativo visualmente.

voce_sabe_qual_e_o_porcelanato_ideal_para_a_cozinha_e_para_o_banheiro_51fd_780x425

2. Cerâmica

Essa opção é também muito utilizada na cozinha. Por ser um piso frio, é fácil de limpar como o porcelanato e pode ser lavado com frequência. É um piso de alta resistência, ideal para a frequência de uso da cozinha. Também é encontrado em várias cores, e uma ideia bastante estética é usar peças alternadas entre preto e branco, dando um aspecto vintage.

cozinha-moderna-com-piso-xadrez-961948

3. Granito

 

Apesar do custo um pouco mais elevado, o granito é uma ótima opção como piso de cozinha. Tem uma facilidade de disfarçar farelos e respingos, (dependendo da escolha do porcelanato, eles podem ter a mesma característica) o que ocorre muito nesse ambiente. É muito resistente e pouco poroso, e encontrado geralmente em tons mais neutros, dando um ar de sobriedade à cozinha.

Além disso, por ser instalado com rejunte fino, o granito não acumula sujeira nas bordas, e os rejuntes claros não ficam encardidos.

 

4974958240_e199c3169f

4. Mármore

Esse material nobre tem geralmente o preço elevado, mas esteticamente é um dos mais atraentes. É mais poroso e menos resistente do que o granito, mas também é fácil de limpar.

Encontrado em vários tons e padrões de frisos, pode compor uma decoração linda com o restante da casa. É menos resistente que o granito, portanto fique atento a possíveis desgastes e, sempre que necessário, faça a manutenção.

Vale destacar que o mármore e o granito mancham com produtos abrasivos, no entanto o granito se mostra mais resistente que o mármore. 

piso-de-marmore-cozinha

5. Madeira   

A primeira coisa que deve ser considerada é o tom da madeira. Quanto mais clara for, mais sujeira deve aparentar. Uma vantagem, nesse sentido, é que a instalação deixa bordas finas, que não acumulam sujeira.

No entanto, esse piso tem facilidade de absorver água, portanto deve-se tomar cuidado. Depois da limpeza, o piso precisa ser bem seco. Uma opção mais adequada para o piso da cozinha é a imitação de madeira: além de ser mais fácil de limpar e não reter umidade, tem o preço mais em conta do que madeiras de verdade, e esteticamente também é bonita.

Mostramos aqui as melhores opções para seu piso de cozinha. Ele deve ser prático e fácil de limpar, pois é uma área de grande uso e movimentação, mas não é necessário abrir mão da beleza.

Agora que você já conhece os tipos de piso ideais para a cozinha, entre em contato conosco e garanta que a sua reforma seja feita com materiais da mais alta qualidade!

cozinha-bancadas

Deixar comentário.

Share This
/* ]]> */