Acabamento Reforma

Piso laminado ou porcelanato: qual escolher para o meu imóvel?

Com a base pronta, chegou o momento de escolher os acabamentos da reforma ou construção. Mas se engana quem pensa que pode relaxar nessa hora. Assim como a estrutura do imóvel, a escolha dos revestimentos também merece atenção especial para evitar erros ou prejuízos na obra. Por exemplo: piso laminado ou porcelanato? Você sabe qual deles é a opção ideal para o seu projeto?

Na verdade, as duas alternativas são vantajosas no quesito durabilidade e praticidade. Entretanto, algumas diferenças básicas entre os dois modelos fazem com que cada um deles se adapte melhor em determinada situação. É exatamente isso o que vamos te explicar neste post. Confira!

Piso laminado: vantagens e desvantagens

O piso laminado, como o próprio nome sugere, é revestido por uma lâmina melamínica que imita a madeira, mas com custo inferior. Esse revestimento é o responsável por conferir ao piso certa resistência a manchas e abrasões. Abaixo, confira os prós e os contras dessa opção.

shutterstock_296586251

Vantagens

Praticidade

Os pisos laminados são muito fáceis de limpar: basta passar um pano úmido com detergente neutro por todas as extensões do revestimento. Apenas tome cuidado com ceras e demais polidores, pois, com o passar do tempo, esses produtos podem formar uma camada oleosa sobre os laminados.

Além disso, esse tipo de piso é antialérgico, o que o torna a melhor opção para o quarto de crianças e idosos, por exemplo. A instalação é outra vantagem, já que é ágil, não gera entulhos e demanda pouca mão de obra.

Durabilidade

Como foi dito, o revestimento melamínico dos pisos laminados é o que garante sua durabilidade. Além disso, esse tipo de acabamento não é escorregadio. Mais um motivo para escolhê-los quando o assunto é o quarto das crianças ou de idosos.

Conforto térmico e acústico

Quem não abre mão do aconchego certamente fará uma boa escolha ao optar pelos pisos laminados, já que esse tipo de revestimento apresenta excelente conforto térmico e acústico.

Ou seja, ao mesmo tempo em que contribuem para manter o chão em uma temperatura agradável, essas peças também são capazes de controlar os ruídos que vêm da rua, diminuindo a concentração do barulho.

Desvantagens

A ressalva quanto aos pisos laminados é que eles não são recomendados para áreas com umidade, pois apresentam baixa resistência a essa condição.

Mas não se desespere! Como foi dito, você poderá limpá-lo com pano úmido, caminhar com os pés molhados ou até mesmo derrubar um copo de água acidentalmente sobre a peça. A restrição é quanto a não molhar o revestimento por completo ou com frequência.

Porcelanato: vantagens e desvantagens

O porcelanato se consolidou no mercado por ser um tipo de revestimento clássico, versátil e de fácil manutenção. Veja seus prós e contras!

shutterstock_238947676

Vantagens

Versatilidade

Por possuírem dimensões extensas, as peças em porcelanato valorizam a composição de diversos tipos de ambientes, favorecendo sensações de amplitude, requinte e leveza.

Mas, caso o cômodo seja muito pequeno, evite assentar o porcelanato na diagonal. Caso contrário, você perderá o efeito sensorial da amplitude, sem falar no desperdício com o corte irregular das peças.

Resistência

Os porcelanatos são uma das opções mais resistentes do mercado. Por isso, esse tipo de revestimento é ideal para áreas de grande circulação na casa, como salas e cozinhas.

Baixa porosidade

Por possuírem acabamento rígido e de baixa porosidade, os porcelanatos são recomendados também para áreas molhadas, como banheiros, varandas e piscinas. Justamente por não absorverem água, as peças são laváveis, garantindo a facilidade na limpeza.

Para os banheiros, prefira o porcelanato esmaltado, pois é ainda menos poroso. Na área do box, o modelo escolhido deve ser antiderrapante.

Desvantagens

Como são pisos muito frios, os porcelanatos não são recomendados para o quarto das crianças, pois elas adoram brincar no chão. Alguns modelos são muito lisos e, por isso, também devem ser evitados para prevenir acidentes.

Mas atenção: para fugir de prejuízos na hora da compra, procure lojas confiáveis, que ofereçam produtos de qualidade e procedência garantidas, além de atendimento especializado para orientá-lo sobre os modelos e suas aplicações.

Pronto! Agora que você já sabe tudo sobre esses dois revestimentos, já pode escolher entre piso laminado ou porcelanato para o seu imóvel. Já decidiu? Então conte pra gente aqui nos comentários!

1 comentário

Deixar comentário.

Share This
/* ]]> */