Construção

Tipos de Tijolos e Blocos: qual a melhor escolha para sua obra?

Na hora de construir ou ampliar sua casa, é normal que surjam muitas dúvidas, principalmente quanto aos materiais a serem utilizados. É muito importante que elas sejam esclarecidas, pois as escolhas dos materiais é em grande parte responsáveis pela qualidade da construção e pelos gastos da obra. Por isso escolhas como os tipos de tijolos e/ou blocos utilizados na obra deve ser feito com cautela!

Pensando em ajudar você nesse momento, preparamos este post. Nele explicaremos sobre os vários tipos de materiais, para facilitar sua escolha entre tijolo e/ou bloco. Mas antes, informamos que é sempre bom escutar os direcionamentos dos engenheiros e arquitetos. 

Primeiramente é importante destacar que existem dois tipos de alvenarias: as estruturais e de vedação. A estrutural serve como própria estrutura da obra, resistindo cargas e ações por si só. Enquanto isso, alvenaria de vedação resiste basicamente ao próprio peso, necessitando de vigas e pilares para dar maior sustentação. 

Tipos de Tijolos

tijolo ou bloco

Tijolo Comum

Os tijolos, em geral, possuem excelente isolamento acústico e térmico e compõem paredes com espessura maior. Eles têm três principais desvantagens em relação ao bloco de concreto:

  • absorvem umidade mais facilmente e, por isso, precisam de cuidados especiais durante a obra;

  • dependendo do tipo, seu custo por metro quadrado construído é superior;

  • menor velocidade na obra, por ela ser composta de unidades menores.

  • falta de perfeição dimensional também pode aumentar os custos e dificultar qualidade da obra.

Tijolo Baiano ou Tijolo de Furo

É o tipo mais comum no Brasil, devido ao seu preço reduzido e à facilidade de ser encontrado em lojas de materiais para construção. Pode ser usado para vedação , pois não suporta cargas estruturais. É recomendado comprar 30 por cento a mais do que o necessário, pois o material tem uma alta taxa de desperdício e quando não está cimentado, quebra com facilidade. Pode ter 6, 8 ou 9 furos, sendo o de 9 o mais resistente.

Tijolo Vazado

Possui uma característica mais decorativa, onde a prioridade é a entrada de luz e ventilação, sendo bastante útil para divisão de ambientes. Esse tipo de tijolo é também conhecido como Cobogó

Tijolo Maciço

Esse material se mostra bastante eficiente para o isolamento térmico e acoustico, além de dar bastante sustentação para a casa.

A principal desvantagem do tijolo de barro é a maior demora no assentamento e necessita mais argamassa, devido ao seu tamanho reduzido. Essa demora é ainda maior caso ele fique aparente na parede, porque é preciso dar um acabamento mais minucioso.

Tijolo Ecológico

Ele recebe esse nome por ser fabricado sem nenhum tipo de queima e liberação de gases tóxicos. Dispensa o uso de vigas e pilares de sustentação, pois conecta-se com os outros tijolos por encaixe e uso de prensas.

O tijolo ecológico possui alta resistência e durabilidade e tem um lindo efeito visual, ficando com uma aparência menos rústica que o tijolo de barro.

Tipos de Blocos

Bloco de Concreto

Além de proporcionarem uma construção mais rápida, os blocos de concreto costumam ter um ótimo custo-benefício em termos de resistência, sendo ideais para a construção de muros, galpões e prédios.Sua ampla utilização na construção civil proporciona benefícios, como:

  • redução no preço e tempo da obra;

  • menor uso de argamassa;

  • requerem camadas mais finas de reboco ou podem ser utilizados sem acabamento (em muros, por exemplo);

  • são muito resistentes ao fogo.

As desvantagens dos blocos de concreto são o isolamento térmico inferior ao proporcionado pelos tijolos, além da maior dificuldade na hora de realizar reformas. Afinal, eles são mais compactos e difíceis de perfurar que os tijolos, sendo trabalhoso passar novas fiações ou encanamentos.

Podemos verificar que os dois materiais apresentam muitos benefícios. Tudo dependerá do tempo que você precisa para a obra estar concluída e do tipo de acabamento desejado.

Bloco Cerâmico

Segundo especialistas, o bloco cerêmico gera uma economia de 30% no custo final da construção, pela eficiência no tempo de assentamento e na rapidez de levantamento da parede. Possui alto nível de uniformidade no formato e diferentes modelos são disoníveis em diferentes espessuras e larguras e para uso de vedação e estrutural.  As instalações elétricas e hidráulicas podem ser instaladas durante a execução da obra. Outro ponto importante a destacar é que esse tipo de construção dificulta a reforma.

Calcule o Valor do Metro Quadrado do Material

O custo do metro quadrado de alvenaria acabada precisa ser levado em consideração nessa escolha, o que é diferente de simplesemente comparar os preços. Pergunte sobre o rendimento e a qualidade do produto. Geralmente um produto de alta qualidade gera menos gastos com correções e mão de obra. 

Agora, que você já sabe como fazer sua escolha entre tijolo ou bloco, que tal solicitar um orçamento com a gente?

Deixar comentário.

Share This
/* ]]> */